Jovens se desentenderam durante um jogo de handebol que acabou em pancadaria depois da partida

Estudantes agressoras serão transferidas da escola e polícia afirma que elas serão autuadas por ato infracional de lesão corporal.

Uma adolescente foi agredida até desmaiar por uma colega dentro de uma escola estadual na manhã desta quinta-feira (25) em Tucuruí, no sudeste do Pará. Um vídeo feito de celular mostra a agressão no pátio da Escola Estadual Raimundo Ribeiro de Souza, na frente dos outros alunos, que não interferem na agressão.

As imagens são fortes. O trecho do vídeo mostra uma aluna de 17 anos batendo em uma colega de escola, que não reage. A vítima aparece no chão sendo agredida com chutes nas costelas e na cabeça. Nesse momento, uma colega da vítima tenta interferir, mas também é agredida por outra aluna. A menina então e arrastada pelos cabelos até uma vala, onde cai de peito para cima. A jovem agressora desfere vários chutes no rosto da menina, que desmaia. Ela é carregada por outros colegas.

A diretora da escola, Anísia Batista, informou que chamou a polícia. “Nesse caso, o que temos que fazer é seguir o regimento da rede pública de ensino estadual”, disse.

SEDUC

Em nota, A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) informou que repudia qualquer tipo de violência e que a direção da Escola Estadual de Ensino Médio Raimundo Ribeiro de Souza, em Tucurui, tomou as providências imediatamente.

Ainda segundo a Seduc, a briga ocorreu ao final de uma partida de handebol no colégio. O time da agressora ganhou a partida e mesmo assim ela cometeu o ato de violência. A direção escolar já acionou os pais de todas as estudantes envolvidas na situação de violência. As estudantes agressoras serão transferidas da escola.

POLÍCIA CIVIL

Em nota, a Polícia Civil informou que as quatro alunas envolvidas na briga têm idade menor que 18 anos. As duas agressoras foram levadas para a Delegacia de Atendimento à Criança e Adolescente (Deaca), sedida no Pro Paz Integrado de Tucuruí, e serão autuadas por ato infracional de lesão corporal contra as duas vítimas.

Já a vítima que acabou desmaiando, de acordo com a PC, foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento do município, recebeu atendimento médico e já recebeu alta.

Por G1

COMPARTILHAR
Artigo anteriorCristo Vive: 458 moradores são chamados para receber suas casas
Próximo artigoPropaganda eleitoral no rádio e tv termina hoje
Denis Aragão
É jornalista e profissional de marketing. Bem antenado e com ampla experiência no jornalismo online e impresso. Tem atuado como gestor de mídias sociais e assessor de imprensa. Fera em produção de conteúdo para a web, ama cinema, literatura, cultura geek, fotojornalismo e design gráfico. Ama o que faz. Simples assim!

DEIXE UMA RESPOSTA