Criada pelo Instituto Lado a Lado pela Vida, campanha nacional terá ações em todo país de orientação sobre o câncer de próstata e saúde do homem

O câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens. Em 2016, mais de 61 mil novos casos da doença serão registrados no Brasil, segundo o Instituto Nacional do Câncer. Por ano, são mais de 13 mil mortes: uma a cada 40 minutos. A campanha Novembro Azul, criada pelo Instituto Lado a Lado pela Vida (http://www.ladoaladopelavida.org.br/), tem o objetivo de orientar a população masculina sobre a doença e sobre os exames que o homem deve fazer.

A edição deste ano vai ampliar sua abordagem. Com o mote “De Novembro a Novembro Azul – Movimento permanente pela saúde integral do homem”, a campanha vai orientar sobre o câncer de próstata e alertar o homem sobre a importância de cuidar de sua saúde.

“Nossa campanha é pioneira no Brasil em alertar os homens sobre a importância de se prevenir do câncer de próstata. Com o Novembro Azul consolidado em todo o país, passamos este ano a alertar sobre os cuidados com a saúde integral do homem.
Queremos mobilizar a população masculina para que se torne protagonista da sua história e responsável por sua qualidade de vida em diferentes fases da vida”, explica a presidente do Instituto Lado a Lado pela Vida, Marlene Oliveira.

O Instituto Lado a Lado pela Vida apresentará uma pesquisa inédita sobre saúde integral do homem que terá dados sobre: frequência que procura o médico, motivo e especialidade; realização de exames preventivos, ocorrência de câncer de próstata na família ou entre amigos; alimentação, atividade física, uso de bebida alcoólica e cigarro; entre outros.

Durante o mês de novembro, serão feitas, em todo país, atividades de orientação sobre o câncer de próstata e saúde do homem e ações para estimular a atividade física. Haverá ainda a distribuição de material informativo e prédios serão iluminados de azul, como Viaduto do Chá, em São Paulo, e Congresso Nacional, em Brasília. No Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata, 17/11, o Cristo Redentor será iluminado.

Um dos destaques da programação é o II Fórum Ser Homem no Brasil, que ocorrerá no dia 7/11, em Brasília. Com apoio do Senado Federal, o evento reunirá profissionais de saúde, parlamentares, governantes, representantes do Ministério da Saúde e a população para debater prevenção e combate ao câncer de próstata e a outros tipos de câncer, como de pênis e testículo.

Nas redes sociais a campanha vai tratar da saúde integral do homem e usará as hashtags: #NOVEMBROAZUL #DENOVEMBROANOVEMBROAZUL #MENOSPRECONCEITO #MAISVIDA.

O Instituto Lado a Lado pela Vida vai disponibilizar para download folders informativos com dados sobre o câncer de próstata, além de fascículos sobre as doenças e prevenção em cada fase da vida do homem.
A programação completa do Novembro Azul pode ser conferida no portal do Instituto Lado a Lado.

Sobre o Novembro Azul

O Instituto Lado a Lado pela Vida iniciou uma abordagem pioneira sobre a saúde do homem no Brasil, em 2008, quando criou a campanha Um Toque, Um Drible. Em 2011 nasceu a campanha Novembro Azul, que tem a missão de alertar os homens sobre a prevenção do câncer de próstata. Em sua 5ª edição com abrangência nacional, a campanha continua crescendo em todo o país.

O Instituto Lado a Lado pela Vida tem a missão de ampliar o acesso às novas tecnologias e humanizar a saúde de norte a sul do Brasil através do diálogo, do acolhimento e da promoção do bem-estar físico e emocional. Para isso, percorremos o país propagando a importância da prevenção, do autocuidado e da autoestima, levando para homens, mulheres e crianças essa conscientização de que a saúde é o nosso bem mais valioso e merece atenção especial.

Câncer de Próstata: Saiba como Prevenir
O câncer de próstata é o segundo tipo de câncer que mais afeta os homens, e o mais frequente nos que já passaram dos 50 anos. A própria idade avançada está entre os fatores de risco, assim como o histórico familiar da doença, fatores hormonais e ambientais, além de maus hábitos alimentares, sedentarismo e excesso de peso. Diante disso, preparamos este post para deixar você por dentro do assunto. Vamos conferir?

O CÂNCER DE PRÓSTATA

Este tipo de câncer cresce lentamente, não apresentando sintomas em suas primeiras fases. Problemas para urinar, sensação de que a bexiga não se esvazia completamente e sangue na urina são indícios que indicam um estágio avançado da doença. Dor óssea, principalmente nas costas, indica a presença de metástases, um avanço da doença para uma fase ainda mais grave. O diagnóstico precoce do câncer de próstata é essencial para que a cura seja possível. É por isso que o exame de toque retal é tão divulgado e recomendado pelos profissionais da saúde, mas infelizmente grande parte dos homens ainda não o faz.

Com a preocupação constante do câncer de próstata, muitas pesquisas acerca da doença vêm vendo desenvolvidas nos últimos anos. Os estudos têm como objetivo disponibilizar, sobretudo, novos tipos de tratamento para os pacientes que possuem diagnóstico conclusivo para câncer de próstata. As novidades científicas também visam melhorar a eficácia dos tratamentos, causar menos desconfortos nos portadores da doença e reduzir os efeitos secundários de quem retira a próstata parcial ou totalmente.

PREVENÇÃO

Os estudos na área da prevenção do câncer de próstata divergem em diversos pontos, entretanto, para redução dos fatores de risco, a medicina recomenda a adoção de práticas saudáveis de um modo geral. Alguns exemplos são:

TENHA UMA DIETA BALANCEADA

Há evidências de que a adoção de uma dieta com baixa quantidade de gorduras e repleta de frutas e vegetais pode reduzir o risco de se desenvolver o câncer de próstata. A diminuição de alimentos ricos em gordura ajuda no controle do peso e traz uma melhora geral na qualidade de vida, inclusive diminuindo o risco de doenças cardíacas. Vegetais possuem vitaminas e nutrientes que também podem reduzir a ameaça de desenvolvimento do câncer de próstata.

EXERCITE-SE COM FREQUÊNCIA

A prática de exercícios físicos está ligada aos hábitos saudáveis de um modo geral, mas estudos indicam que ela também contribui para a redução do risco de desenvolvimento do câncer de próstata. Caso ainda não possua uma rotina de exercícios, consulte seu médico para saber como iniciá-los. Caminhar mais e escolher as escadas ao invés do elevador são boas maneiras de se exercitar no dia-a-dia.

MANTENHA O CONTROLE SOBRE SEU PESO

A obesidade está relacionada ao aumento do risco de diversos cânceres, incluindo o de próstata. Se você possui sobrepeso, trabalhe para diminuí-lo. Caso tiver muitas dificuldades, não hesite em procurar ajuda médica.

Alguns hábitos diários simples podem contribuir, e muito, para a redução da ameaça do câncer de próstata. Ainda assim, mesmo seguindo essas dicas, e praticando outros hábitos saudáveis, os exames rotineiros para homens acima de 50 anos são indispensáveis. Portanto, não deixe de consultar seu médico periodicamente.

FAÇA UM DIAGNÓSTICO ANTECIPADO

Alguns hábitos diários simples podem contribuir, e muito, para a redução da ameaça do câncer de próstata, porém a consulta de um médico especializado é indispensável na suspeita de algum sintoma. Seguir essas dicas e praticar outros hábitos saudáveis, além dos exames rotineiros para homens acima de 50 anos são indispensáveis.

DEIXE UMA RESPOSTA